Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
Notícias / MUNDO

Homem ganha quantia milionária após mostrar dedo do meio a policial

Policial foi processado e condenado pela Justiça dos EUA

Redação Contigo! Digital Publicado em 27/06/2024, às 22h44

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Imagem ilustrativa - Foto: Freepik
Imagem ilustrativa - Foto: Freepik

Uma abordagem da polícia dos Estados Unidos custou caro para um agente. De acordo com a imprensa internacional, Gregory Bombard, de 57 anos, recebeu US$ 175 mil (R$ 960 mil na moeda brasileira) após mover uma ação judicial contra o policial Jay Riggen. 

Bombard foi preso por Riggen em fevereiro de 2018 após uma abordagem que teria sido motivada porque ele supostamente havia mostrado o dedo médio para o agente. Ele não só negou, como acionou a Justiça.

Durante o processo, o homem assumiu que fez o gesto desrespeitoso após sofrer a acusação do policial e assim que foi parado. O agente explicou que tomou a decisão porque Bombard desacatou uma autoridade. 

O homem foi levado para delegacia e permaneceu preso por aproximadamente uma hora até ser apresentado a um juiz. A acusação do policial não se sustentou, ele foi liberado e entrou com um processo contra o policial. 

O processo todo foi encerrado após um acordo entre ambas as partes. De acordo com as informações divulgadas, Gregory recebeu US$ 100 mil e outros US$ foram destinados à União Americana pelas Liberdades Civis (ACLU).

A ONG foi responsável por auxiliar Bombard durante. Parte dos US$ 75 ficou com a Fundação para Direitos Individuais e Expressão, por questões relacionadas aos honorários advocatícios. O beneficiado se mostrou feliz com o desfecho do caso.