Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / Se posicionaram

Equipe de Thiago Servo reage a bloqueio de prêmio de 'A Grande Conquista'

Após vencedor de 'A Grande Conquista' ter acesso ao prêmio bloqueado, equipe de Thiago Servo quebra o silêncio: entenda

Leandro Fernandes
por Leandro Fernandes
[email protected]

Publicado em 26/07/2023, às 10h27

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Advogados de Thiago Servo reagem a bloqueio de prêmio de 'A Grande Conquista' - Reprodução/Instagram
Advogados de Thiago Servo reagem a bloqueio de prêmio de 'A Grande Conquista' - Reprodução/Instagram

O sertanejo Thiago Servo está enfrentando um problema sério envolvendo o prêmio de A Grande Conquista e a Justiça. Após uma decisão judicial bloquear o acesso dele ao dinheiro que ganhou, a equipe do cantor se posicionou exclusivamente para a Contigo!.

Nesta quarta-feira (26), recebemos a informação de que a equipe jurídica de Thiago foi pega de surpresa com a decisão do juiz que penhorou o valor de R$ 1 milhão para pagamento de uma dívida que é alvo de disputa judicial.

"O corpo jurídico do cantor Thiago Servo recebeu com surpresa, por se tratar de um decisão infundada. Ressaltamos que é uma decisão de primeiro grau, caberá recurso dos advogados do cantor, com a certeza de que o caso será revertido", disse a assessoria do famoso.

O processo se estende desde o ano de 2014, quando a dívida ainda estava no valor de R$ 300 mil. O sertanejo teria comprado um carro e um avião, que não pôde terminar de pagar após o fim da dupla com Thaeme. Ele venceu a primeira temporada do reality A Grande Conquista, desbancando as ex-BBBs Gyselle Soares e Natália Deodato e o influenciador Gabriel Roza, ex de Bia Miranda na final.

ENTENDA A DECISÃO DA JUSTIÇA

Segundo o site Conjur - Consultor Jurídico, um juiz decidiu penhorar o dinheiro que o astro receberia pela vitória, ou seja: o dinheiro fica retido para pagamento de uma dívida. A decisão foi do juiz David de Oliveira Gomes Filho, da 2ª Vara de Execução de Título Extrajudicial e Demais Incidentes da Comarca de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul.

Ele iria receber R$ 1 milhão pela vitória, mas parece que não conseguirá sequer encostar no dinheiro. De acordo com as informações citadas pelo juiz, ele tem uma dívida no valor de R$ 1,3 milhão, que se tornou motivo de disputa na justiça. Thiago tentou alegar vícios processuais, para anular a ação.

De acordo com os autos, a dívida data de 2014 e originalmente consistia no valor de R$ 300 mil. Durante sete anos, a Justiça tentou citar o sertanejo, que acabou em uma situação tensa durante a gravação de um DVD no ano de 2022.

O que ocorre, segundo Thiago, é que ele comprou um carro e um avião, dando entrada de R$ 150 mil, mas quando saiu da dupla com Thaeme acabou não tendo mais dinheiro para sanar a dívida. Então assinou uma nota promissória e teria devolvido os veículos.